• Research Center in Biodiversity and Genetic Resources

    InBIO Associate Laboratory

    Research Center in  Biodiversity and Genetic Resources
  • Research Center in Biodiversity and Genetic Resources

    InBIO Associate Laboratory

    Research Center in  Biodiversity and Genetic Resources
  • Research Center in Biodiversity and Genetic Resources

    InBIO Associate Laboratory

    Research Center in  Biodiversity and Genetic Resources
  • Research Center in Biodiversity and Genetic Resources

    InBIO Associate Laboratory

    Research Center in  Biodiversity and Genetic Resources
 

 

 

 
 
HÁ VIDA NO PARQUE - AVES
17 de Março de 2019 | Fundação de Serralves
2019-03-11
 

No Domingo, dia 17 de março, Há Vida no Parque! em Serralves, dedicado às Aves. Uma atividade no âmbito da parceria entre a Fundação de Serralves e o CIBIO-InBIO - Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos.

 

PERCURSO

09H30-11H00

Ponto de encontro: Foyer do Museu
Lotação: 25 participantes

 

Sinopse da actividade

O desenvolvimento urbano e as suas consequências no meio ambiente são um fenómeno global que afeta não só o homem, mas também outros animais e plantas. As aves são um dos grupos animais ideais para ilustrar muitos conceitos ecológicos porque a maior parte das pessoas está familiarizada com a sua presença, principalmente em ambientes citadinos, dado que muitas espécies de aves têm-se adaptado às condições urbanas. Estes e outros aspetos serão abordados num percurso
no Parque, onde se partirá à descoberta da diversidade de aves existente.

 

Com Ricardo Lopes (Investigador do CIBIO-InBIO - Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos)

 

 

OFICINA 

11h00 - 13h00
DE ASAS BEM ABERTAS! - Como voam as aves? Melros, chapins e gaios são algumas das espécies que se avistam com frequência no Parque de Serralves. Batendo as asas ou planando, em longas ou curtas distâncias, o voo das aves é um dos fenómenos mais incríveis do reino animal. Esta oficina dá-te a oportunidade para conhecer melhor a incrível estrutura aerodinâmica que permite a algumas aves voar a grande velocidade.
Conceção e dinamização: Mariana Moranduzzo

Acesso: custo por adulto 5€; entrada gratuita para crianças até aos 12 anos; desconto de 50% para jovens entre os 13 e os 18 anos.

 

Mais informação sobre esta e outras actividades no website da Fundação de Serralves.

 

 

Créditos de Imagem: Francisco Eduardo