• Research Center in Biodiversity and Genetic Resources

    InBIO Associate Laboratory

    Research Center in  Biodiversity and Genetic Resources
  • Research Center in Biodiversity and Genetic Resources

    InBIO Associate Laboratory

    Research Center in  Biodiversity and Genetic Resources
  • Research Center in Biodiversity and Genetic Resources

    InBIO Associate Laboratory

    Research Center in  Biodiversity and Genetic Resources
  • Research Center in Biodiversity and Genetic Resources

    InBIO Associate Laboratory

    Research Center in  Biodiversity and Genetic Resources
 

 

 

 
 
Café com Ciência com Herlander Azevedo
30 de Abril de 2017 | Fundação de Serralves
2017-04-21
 

PLANTAS À BEIRA DE UM ATAQUE DE NERVOS: DO CLIMA AOS NUTRIENTES DO SOLO, DOS GENES ÀS RESPOSTAS FUNCIONAIS

 

Em mais uma sessão do Café com Ciência, debruçaremo-nos sobre as surpreendentes estratégias desenvolvidas pelas plantas face a situações de stresse.

 

Herlander Azevedo é desde 2013 investigador auxiliar do CIBIO/InBIO (Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos da Universidade do Porto), e mais recentemente professor convidado no Departamento de Biologia da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP). Licenciou-se em Biologia Aplicada pela Universidade do Minho, e concluiu doutoramento em Biologia pela mesma universidade, em 2005. Desde o início da sua carreira, tem desenvolvido trabalho na área da biologia molecular de plantas, com ênfase na resposta das plantas ao stresse. O seu percurso levou-o ao estudo dos mecanismos de resposta do pinheiro bravo a agentes patogénicos, e do sobreiro à secura. Tem realizado extenso trabalho na planta modelo Arabidopsis thaliana, que utiliza para estudos de natureza funcional – estabelecimento da função de genes por estratégias de ganho- e perda-de-função. Aqui, o principal foco tem sido o mecanismo de modificação de proteinas conhecido por sumoilação, que é crítico para a resposta das plantas ao stresse ambiental. O seu trabalho tem envolvido, de igual forma, o estudo mais sistemático e em larga escala de genes, usando abordagens de transcriptómica e genómica, tendo recentemente aplicado este tipo de estratégias ao estudo da vinha.

 

Local: Sala Multiusos (Quinta de Serralves)
Acesso: gratuito (entrada pela Rua Bartolomeu Velho, 141)
Lotação: sujeito à lotação do espaço

 

Mais informações no website da Fundação de Serralves.