Cookie Policy

This site uses cookies. When browsing the site, you are consenting its use. Learn more

I understood

VERONICA (Systematics, Population Genetics and Propagation of Priority Azorean Endemic Vascular Plants)

VERONICA (Systematics, Population Genetics and Propagation of Priority Azorean Endemic Vascular Plants)

O projeto pretende contribuir para o estudo e a conservação de plantas endémicas dos Açores, prioritárias, através dos seguintes meios: i) utilizar marcadores moleculares para clarificar a sua posição taxonómica, nomeadamente em relação a espécies próximas da Europa e de outros Arquipélagos da Macaronésia; ii) utilizar marcadores moleculares para clarificar as relações entre as populações das várias ilhas (diversidade genética e divergência entre populações); iii) definir protocolos para a sua propagação, de modo a preservar o seu património genético. Assim, será realizado um estudo taxonómico sobre os endemismos vasculares dos Açores, recorrendo a marcadores moleculares, de forma a ser definida ou não a existência de diferenciação de código genético entre os mesmos taxa nas diferentes ilhas ou grupos de ilhas dos Açores e confirmar a existência de novas espécies e ou subespécies para a região. Por outro lado, pretende-se definir se existem riscos de contaminação genética resultante da troca de material entre as diferentes ilhas. Dada a necessidade de utilizar espécies nativas em planos de reflorestação, e noutras situações onde se considere mais adequada a sua utilização, e considerando que a propagação de muitas dessas espécies é difícil, não existindo para algumas delas informação sobre os procedimentos a adotar, serão desenvolvidos protocolos para a propagação destas espécies. Dado o número de plantas vasculares endémicas dos Açores, estimado em cerca de 80, dependendo dos autores, será pertinente organizar a execução do trabalho por fases, desenrolando-se o estudo de acordo com critérios de prioridade. Assim, nesta fase, serão estudados oito taxa endémicos dos Açores, os quais servirão de modelo que permitirá testar os conceitos e metodologias acima propostos: i) taxa considerados como em perigo de extinção – Euphrasia azorica, Euphrasia grandiflora, Lactuca watsoniana e Veronica dabney; ii) taxa definidos como adequados em ações de reflorestação – Prunus lusitanica ssp. azorica, Picconia azorica; e iii) taxa cuja posição taxonómica é duvidosa – Leontodon spp.

Team
Principal Investigator
Luís Filipe Dias e Silva

Luís Filipe Dias e Silva

Position: Assistant Professor
Groups:
AGRODIV, BIOISLE
View
Researchers
Mónica Maria Tavares Moura

Mónica Maria Tavares Moura

Position: Assistant Professor
Group:
BIOISLE
View
State
Concluded
Proponent Institution
Universidade dos Açores
Funded by
DRCTC
Dates
2007 (Duration: 3 years)
Share this: