• Research Center in Biodiversity and Genetic Resources

    InBIO Associate Laboratory

    Research Center in  Biodiversity and Genetic Resources
  • Research Center in Biodiversity and Genetic Resources

    InBIO Associate Laboratory

    Research Center in  Biodiversity and Genetic Resources
  • Research Center in Biodiversity and Genetic Resources

    InBIO Associate Laboratory

    Research Center in  Biodiversity and Genetic Resources
  • Research Center in Biodiversity and Genetic Resources

    InBIO Associate Laboratory

    Research Center in  Biodiversity and Genetic Resources
 

 

 

 
 
Café com Ciência com Mariana Sottomayor
28 de Janeiro de 2018 | Fundação de Serralves
2018-01-19
 

CAFÉ COM CIÊNCIA - DO ALIMENTAR AO CURAR E MATAR: AS PLANTAS À LUPA MOLECULAR
28 JAN 2018

 

No primeiro Café com Ciência de 2018 vamos abordar as extraordinárias propriedades moleculares das plantas, que as tornam alimentos notáveis e uma fonte preciosa de inúmeros produtos bioativos com capacidade para tratar e até curar muitas aflições humanas. O reverso ou, na verdade, o verso da medalha é que as plantas também podem matar! Há cuidados a ter com os famosíssimos benfazejos produtos naturais?

 

Mariana Sottomayor, que vai estar connosco a conversar sobre este tema, é Professora Auxiliar na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP) e Investigadora em Biologia de Plantas no CIBIO-InBIO (Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos da Universidade do Porto). Licenciou-se e doutorou-se em Biologia na FCUP, sendo seu maior interesse científico a extraordinária plasticidade metabólica das plantas, que envolve uma miríade de produtos naturais. Estas propriedades moleculares das plantas ajudam-nas a lidar com uma vasta gama de ameaças ambientais, das quais as plantas não podem escapar devido à sua imobilidade, sendo uma dessas ameaças o herbivorismo. Ou seja, de facto, e por defeito, as plantas são alimentos tóxicos para a maioria dos mamíferos como nós. Ironicamente, a diferença entre um veneno e um medicamento pode ser a dose, e a diversidade química vegetal, selecionada ao longo do processo evolutivo pelas suas propriedades tóxicas para os herbívoros, apresenta por vezes propriedades fisiológicas únicas que originam atividades terapêuticas importantíssimas em doses adequadas.

 

Local: Sala Multiusos (Quinta de Serralves)
Acesso: gratuito
Lotação: sujeito à lotação do espaço

 

Imagem: Fernanda Leal

 

Mais informações no website da Fundação de Serralves.